Junior Mascote

Vereador Walmiral Marinho solicita investimentos na área da inclusão digital para atender público da Terceira Idade

11/10 Vereador Walmiral Marinho solicita investimentos na área da inclusão digital para atender público da Terceira Idade

A Câmara Municipal aprovou proposta do vereador Walmiral Marinho em que solicita o empenho necessário do poder público local no sentido de implantar a inclusão da era digital para atender o público de Terceira Idade.

A ideia, explica o vereador, é que seja levado em conta o impacto da tecnologia na vida pessoal sob a ótica das pessoas de terceira idade, mais precisamente, verificar as vantagens e as dificuldades encontradas pelas pessoas desta faixa etária no uso da tecnologia.

Segundo Walmiral Marinho, pesquisas mostram que as maiores dificuldades encontradas pelos idosos estão relacionadas ao manuseio do computador e das informações e alerta para a relevância de medidas visando oferecer vantagens a essa importante parcela da população. “O resultado obtido pelas pessoas que participaram de curso de Inclusão Digital foi de melhora na autoestima e maior confiança”, justifica.

O parlamentar informa ainda que muitas pessoas da terceira idade procuraram o curso de Inclusão Digital para aprender a usar o computador para fins de trabalho e muitas outras buscaram o curso para aprender a usar o computador em casa, para se atualizarem ou até mesmo usar as redes sociais.

“Conclui-se, portanto, que a inclusão no curso digital traz resultados favoráveis a essas pessoas, pois elas afirmaram ter conquistado independência para manusear o computador, dentre outros equipamentos digitais, e conseguiram obter melhor comunicação à distância, melhoraram sua autoestima, e conseguiram manter-se atualizados, adquirindo conhecimento e amizades, e, como declararam, também felicidade”, complementa. Fonte: ASCOM.

Contador de Cliques



Deixe um comentário:



Captcha


JOSE PAIVA DOS SANTOS Segunda-Feira, 11/10 às 10:10
CARÍSSIMOS INTERNAUTAS: Lembro-me muito bem! que o Hospital Prado Valadares existia o SETOR PSIQUIÁTRICO. Por longos anos em Jequié; acontece que foi desativado. Simplesmente ás pessoas acometidas desta infalível doença, não tem aonde internar e nem ter melhoras substanciais. Na atualidade existe no município alguns setores que dizem atender ás pessoas acometidas desta doença. Só que não tem internamento. Como fica ás pessoas que necessita de ser atendida diariamente por profissionais e outra os pais e mães não tem como tomarem conta destes doentes por causa da força terrível que as mesmas possuem e tem delas que não tem como medicá-las, porque precisa serem imobilizadas, através de 03 ou 04 pessoas. Os governos federais, estaduais de municipais, precisam juntar-se para construir hospitais para este tipo de demanda, que á cada dia prolifera no Brasil, e digo até o momento sem nenhuma solução.