Junior Mascote

Direção da Fundação Leur Brito contesta morte de idoso por coronavírus

13/1 Direção da Fundação Leur Brito contesta morte de idoso por coronavírus

A Irmã Conceição, diretora da Fundação Leur Brito, em Jequié, contestou a informação divulgada pelo site da COVID 19, da Prefeitura de Jequié, onde consta a morte de um idoso de 91 anos proveniente do Coronavírus. Segundo a freira, o idoso deu entrada no Hospital Prado Validares no início de dezembro de 2020, passou por procedimento cirúrgico para amputação de um membro e que teria contraído a Covid 19 na unidade hospitalar, onde passou pelo tratamento e se recuperou da doença. Ainda segundo a religiosa, o próprio Hospital deu alta ao paciente dia 30 de janeiro, com atestado negativo para Covid, e no dia 2 de janeiro veio a óbito na Fundação Leur Brito. Durante entrevista a Irmã Conceição falou que o prontuário estava constando como morte por causas desconhecidas. O estranho é que no dia 11 de janeiro apareceu a seguinte nota no site da Prefeitura de Jequié: “Houve o registro de mais um óbito, sendo um home de 91 anos, com diabetes, ocorrido na Fundação Leur Brito, onde ele residia”. O que intriga a direção do abrigo é que se o paciente tivesse com a COVID 19 o HGPV não o devolveria para a fundação. A Irmã Conceição cobra explicações das autoridades.

Contador de Cliques



Deixe um comentário:



Captcha


TV Mascote