Morador denuncia invasão de imóveis no residencial Parque do Sol

Quinta-Feira, 11/10/18

Manuela Santos teve a sua casa invadida por uma família de desconhecidos e compareceu na delegacia para registrar uma queixa. Manuela disse que estava trabalhando e recebeu uma ligação do vizinho dizendo que um elemento quebrou o cadeado da grade e invadiu a casa que fica Rua C, bloco 38, no residencial Parque do Sol, do Projeto Minha Casa Minha Vida. Ao chegar em casa os invasores teriam dito que nem a justiça retiram eles casa. Ela chamou a Polícia Militar, que esteve no local e nada pode fazer e seus móveis estão dentro do imóvel. Manuela compareceu na Delegacia de Furtos e Roubos no dia 25 de setembro e até o momento não teve a sua casa devolvida, ela foi sorteada e por direita a casa lhe pertence. Segundo informações, formou-se um grupo de invasores dentro do loteamento, que funciona da seguinte forma: alguns moradores que participam desse grupo ficam observando a movimentação das pessoas nas casas, aquelas casas que não tem muita movimentação ou que o dono precisa se ausentar por um período de aproximadamente 1 semana, por motivo de trabalho, viajem familiar ou lazer, essas pessoas avisam outras para invadir a casa, afirmando não ter ninguém (abandono). Muitas casas já foram invadidas e nada teria sido feito.

Deixe um comentário:



Captcha


Vereador sem voto Sábado, 13/10 às 13:10

Até entendo o povo reclamar das invasões, porém penso que essas moradias nem a eles pertencem, na verdade deveriam pertencer a centenas de moradores que construíram esse condomínio e até hoje sequer receberam seus salários e direitos trabalhistas, sendo que muitos teriam até como pagar a vista pelo valor a ser recebido. Infelizmente onde se cometeu injustiça acaba acontecendo dessa forma.
» Responder

Vereador sem voto Sexta-Feira, 12/10 às 20:10

Uma vergonha, apesar de que esse Condomínio nem deveria ser de quem lá mora e sim dos trabalhadores que trabalharam e ficaram sem salário e suas rescisões. Vergonha
» Responder

Marcele Quinta-Feira, 11/10 às 15:10

As autoridades locais deveriam tomar alguma atitude, pois os donos ja foram escolhidos mediante sorteio
» Responder