Com novo bandejão, Uesb oferta refeição a um real nos três campi

Hoje, 12/06/19

Com o objetivo de atender uma demanda, principalmente da categoria discente, do campus de Jequié, o Restaurante Universitário está oferecendo, a partir desta semana, o bandejão ao preço popular de um real para alunos habilitados ao Programa de Assistência Estudantil (Prae), vinculado à Assessoria de Acesso, Permanência e Ações Afirmativas (AAPA) da Uesb. Atualmente, 353 alunos são atendidos pelo Prae no campus.

Para ter acesso ao benefício, os estudantes habilitados devem realizar o cadastro da biometria no Programa. “O sistema biométrico facilita o processo burocrático e todas as partes percebem sua eficiência e eficácia, pois os trâmites tem uma maior celeridade”, explica a coordenadora de Acesso, Permanência e Ações Afirmativas do campus de Jequié, Ulla Carla Santos.

São garantidas ao aluno, pelo preço popular, duas refeições diárias: almoço e jantar. O horário de funcionamento é de segunda a sábado, das 11 às 15 horas, para o almoço, e de segunda a sexta, das 18 às 21 horas, para o jantar – que passará a ser oferecido no retorno da normalidade das atividades acadêmicas.

Refeições a um real nos três campi – Com a medida, os três campi da Uesb passam a contar com refeições a um real para os estudantes atendidos pelo Prae, nos restaurantes universitários. Para totalizar os custos das refeições, a Instituição completa os valores com subsídios próprios. Assim, 1351 alunos têm a possibilidade de garantir a alimentação na Universidade, a preço popular.

Ações como essa destacam a preocupação da Uesb com a permanência estudantil. É o que lembra a representante da Coordenação de Acesso, Permanência e Ações Afirmativas (Coapa) do campus de Jequié : “Todas as categorias lutaram e reivindicaram por esse benefício e hoje contemplam a realização dos esforços para que esse momento acontecesse, principalmente a categoria discente, pois Jequié era o único campus que faltava para implantar a ação e a atual administração se empenhou e dedicou a realizar o pleito dos alunos quanto a essas reivindicações”.

Deixe um comentário:



Captcha