Alisson e Éverton são afastados pela diretoria da ADJ

Hoje, 10/02/19

Em nenhum momento a ADJ recebeu nenhuma proposta, seja ela formal ou oral, de nenhum Clube para a contratação dos atletas citados. Os atletas receberam a proposta diretamente do Clube interessado e, eles, comunicaram a diretoria da ADJ sobre essa proposta, não revelando o nome do Clube. Diante da proposta recebida, os atletas decidiram sozinhos, por conta própria, em não treinar mais com o grupo, como também pela saída imediata da ADJ. Os mesmos disseram que as suas cabeças estavam no Clube interessado, não querendo mais jogar, desrespeitando o contrato assinado com a Associação Desportiva Jequié (ADJ). A diretoria da ADJ fez uma consulta ao Departamento Jurídico da Federação Baiana de Futebol (FBF), onde foi orientada a relatar o ocorrido formalmente para que a Federação e a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) possam tomar as devidas providências. A ADJ sempre cumpriu e cumpre com todos os contratos assinados, sejam eles com atletas, comissão técnica e fornecedores. Enquanto não for resolvido, os atletas seguirão afastados. Por fim, adotaremos todas as medidas para resguardar os direitos e os interesses da Associação Desportiva Jequié (ADJ), assim como perseguiremos pela reparação dos danos causados.

Diretoria Executiva
Associação Desportiva Jequié (ADJ)

Deixe um comentário:



Captcha