Cinismo

Terça-Feira, 06/03/18





Aquele teu olhar

Que simula o riso

Tão bonito!

Não gosto quando

Não vem de mim

Esse teu cinismo



Um rosto tão belo

Para uma alma tão suja

Uma sujeira tão profunda

Que apenas será descoberta

Na próxima caça às bruxas



Uma alma tão bela

Forjada em rosto tão sujo

Dissimula com um sorriso

O pensamento mais impuro



E esse teu cinismo

Que já não me engana

Esse riso falso

Que te acompanha

Me aperta

Te sufoca

Me chama



Raiana Soares

Raiana Soares

Raiana Soares

Escritora e Colunista do Blog JM


Deixe um comentário:



Captcha